O que é Diabetes – sintomas, Tipos e Causas

Diabetes é uma alteração do metabolismo provocada pela dificuldade que tem a insulina de retirar a glicose do sangue.  

o que diabetes-causas-tipos-_5

Sempre que nos alimentamos, nosso organismo realiza a digestão para processar e separar os nutrientes do nosso alimento. Na digestão, os carboidratos são transformados em glicose, que é um tipo de açúcar. Esta glicose vai para o sangue para ser distribuída entre as células que vão utilizá-la para gerar a energia que necessitamos para a realização das nossas tarefas diárias. Mas, a glicose no sangue é extremamente prejudicial. Ela age praticamente como um ácido que corrói a parede dos vasos sanguíneos e envelhece precocemente alguns tecidos do corpo. Por isso, o tempo de permanência da glicose no sangue deve ser o mais breve possível.  

Assim que nosso organismo detecta a presença de glicose no sangue aciona o pâncreas (órgão que se situa atrás do estômago) para produzir a quantidade necessária de um hormônio chamado insulina. A insulina tem a tarefa de tirar a glicose do sangue e depositá-la em outras células, onde serão transformadas em energia. E isso é feito imediatamente, para preservar os vasos sanguíneos. Quando a insulina conduz a glicose até as células, estas células “reconhecem” a insulina e se abrem para absorver a glicose. Quando a glicose entra na célula, é transformada em energia que será utilizada conforme nosso corpo for solicitando.  

Pois bem. Já vimos que a glicose vai parar no sangue toda vez que nos alimentamos. E que ela não pode ficar circulando no sangue porque isso corrói os tecidos do nosso corpo. Vimos também que para que a glicose seja retirada do sangue o mais rápido possível, nosso organismo produz, através do pâncreas, a insulina.  

Quando a insulina não consegue realizar adequadamente sua função de retirar a glicose (açúcar) presente no sangue e depositá-la em outras células, estamos diante de uma alteração metabólica que chamamos de diabetes.  

  Esse quadro pode se apresentar por duas principais razões: 

  1. O pâncreas não consegue produzir toda a insulina que o organismo precisa. Isso pode acontecer por algum problema no próprio pâncreas, como por exemplo, destruição autoimunes das células, ou ainda por lesões causadas por acidentes ou outras doenças;  
  1. A insulina produzida é suficiente, mas ela não consegue realizar sua função adequadamente. Neste caso, o organismo desenvolveu ou está desenvolvendo o que chamamos de “resistência à insulina”. A resistência à insulina é basicamente uma incapacidade que as células têm em “reconhecer” a insulina. Se o reconhecimento não for feito, a célula não se abre para a absorção da glicose. Como a glicose não recebe “permissão” para entrar nas células, fica circulando no sangue.  

Em ambos os casos, a consequência é a Diabetes, que é caracterizada pelo aumento da glicose em circulação no sangue. Esse acúmulo de glicose no sangue traz diversas complicações à saúde, e se a diabetes não for tratada adequadamente, pode levar à morte.  

Quando a insulina não consegue retirar a glicose do sangue com a rapidez necessária, várias outras coisas acontecem em nosso metabolismo como consequência. Vejamos: 

  • O organismo procura se livrar da glicose através da urina. E por isso a pessoa com “açúcar no sangue” passa a urinar com mais frequência, ocasionando uma desidratação, fazendo com que a pessoa sinta uma sede fora do normal. 
  • A glicose é eliminada pela urina sem passar pela célula onde seria transformada em energia. Fora da célula, a glicose não gera energia e a pessoa com diabetes sente um cansaço constante.  
  • A fraqueza (falta de energia) é interpretada pelo organismo como falta de alimento. Por isso, a pessoa com diabetes sente uma fome incomum.  
  • Só que quanto mais a pessoa come, mais açúcar se acumula no sangue. E quanto mais açúcar no sangue, mais prejudicados serão os vasos sanguíneos. Quanto mais riscos representar para o organismo, mais o corpo vai querer se livrar da glicose através da urina, e o processo só tende a se complicar.  

Como você pode ver, a Diabetes é uma doença séria e que antes mesmo de ser diagnosticada desencadeia uma série de sintomas e é preciso ficar atento a eles. Para saber mais detalhes, leia o artigo a seguir: Sintomas da Diabetes.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 − 3 =